Brasileirão – Veja as chances do seu time nas Série A e B

UEFA Youth League – Barcelona vence, PSG goleia. Veja a classificação
28/09/2016
Nigéria pode desistir das eliminatória da Copa do Mundo
29/09/2016

Normalmente a torcida brasileira não gosta de pontos corridos. Quando a mudança na fórmula de disputa depois do Brasileirão de 2002, a média de público despencou.

Apenas os clubes do Nordeste e as vezes Norte, representados por torcedores que não perdem um jogo sequer mantiveram um bom índice de comparecimento. Já os demais clubes do país “vivem de momento”.

O indício também está relacionado ao imediatismo. Curiosamente, assim como os times demitem seus técnicos ou os contratam sem nenhum critério da forma com qual desejam trabalhar, o Brasileirão também vê os “líderes” em presença naqueles clubes que lutam contra o rebaixamento ou brigam pelo título.

No quesito receita e bilheteria, “descartando” os valores milionários e o abismo da cota de TV entre as divisões das Série A e B, ficar nos extremos da tabela ou “subir e cair” pode ser mais lucrativo e chamativo.

Nesta temporada um fator preponderante é a melhora ou o emparelhamento do nível técnico refletido na tabela do Brasileirão. Na 1ªDivisão, Palmeiras e Flamengo estão separados por apenas um ponto, enquanto o Atlético-MG com 5 atrás, também está próximo. Na parte debaixo, o momento adverso de 17ºCruzeiro e Inter, aliado a uma classificação embolada garantem mais emoção. O São Paulo 12º está apenas 4 pontos da “degola”; por ali “andam” Sport, Coritiba, Vitória, Figueirense.

Por outro lado na Série B, a briga é a mais acirrada da história. Apesar de Vasco e Atlético-GO terem alguma “folga” com 51 e 48 pontos, respectivamente, a diferença do 3ºlugar, Brasil de Pelotas para o Náutico, 10º, são de apenas 5 pontos. Avaí, Londrina, Bahia, Criciúma, CRB e Ceará querem o acesso.

Falando em porcentagem, de acordo com o site Chance de Gol, a Série A teria:
Palmeiras – Título: 45.9% / Libertadores: 93.8%
Flamengo – Título: 21.9% / Libertadores: 83.2%
Atlético-MG – Título: 7.2% / Libertadores: 57.8%
Santos – Título: 14.2% / Libertadores: 76.2%

Rebaixamento
Figueirense 76,3%
Cruzeiro 21,2%
Internacional 33,2%
Santa Cruz 92,2%
América-MG 99,98%

O site considera os possíveis adversários e jogos dentro ou fora de casa no cálculo das possibilidades. Pelas estatísticas desde a era dos pontos corridos com 20 clubes, o número “mágico” para escapar do rebaixamento são 45 pontos. Já para título, por volta de 80 pontos.

Já na Série B as chances de acesso são:
Vasco 98,8%
Atlético-GO 90,7%
Brasil 25,6%
CRB 29,2%
Londrina 38,7%
Ceará 15,9%
Criciúma 13,6%
Bahia 45,1%

No descenso:
Goiás 7,6%
Oeste 36,1%
Bragantino 56%
Tupi 74,7%
Joinville 87,4%
Sampaio Corrêa 98,4%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *