Atlético Acreano 2 x 1 Salgueiro – Galo volta ao rumo das vitórias!!

Domagoj Vida da Croácia pode ser punido! Gestos anti-Rússia causaram polêmica!
08/07/2018
Primeira mão! Campeonato Paulista de Base – Grupos da 2ªFase!
09/07/2018

Atlético Acreano 2 x 1 Salgueiro, foi uma daquelas partidas difíceis para o time acreano, onde alguns infortúnios de última hora, testaram o elenco galista: o zagueiro João Marcus, fortemente gripado e Rafael Barros com dores no tornozelo, foram desfalques, mas Douglas e Jeferson, assumiram as funções bom brilhantismo.

O falecimento de Bidiu, foi lembrado pela equipe do Galo que entrou com um banner homenageando sua história pela agremiação.

1ºTempo
A primeira chance foi do Carcará, com Erik Júnior que tentou surpreender Ruan e pegou muito bem na bola, mas o goleiro fez boa defesa e mandou para escanteio.
Aos poucos, o Atlético Acreano começava a engrenar, Neto roubou bola de Maurício e tocou para Eduardo, que se deslocou para o fundo, contudo, ninguém aproveitou o cruzamento para trás.
O gol de abertura do placar surgiu aos 19 minutos. Após cobrança de escanteio, Peu afastou, a sobra voltou para Eduardo que ajeitou e colocou na área, Alfredo passou na frente do goleiro: 1 x 0 para o Galo! O tento gerou dúvidas nos presentes. Será que o lateral conseguiu desviar a trajetória da bola? Para a arbitragem não! Logo, Eduardo foi o autor do gol.
O Salgueiro não se abalou e respondeu no minuto seguinte, sempre com o habilidoso Erik Júnior, que se enfiou no meio da área e apareceu livre para cabecear frente a frente com Ruan, entretanto, sem direção.
A partida estava morna, até os 38 minutos, quando Eduardo roubou bola e colocou um lançamento fantástico para Tauã que progrediu pela diagonal, mas chutou por cima da meta, levantando os torcedores presentes no Florestão.
Assim terminou o primeiro tempo, sob um calor fortíssimo para Atlético Acreano x Salgueiro.

2ºTempo
A etapa final começou com uma “pixotada” do Carcará, mas o juiz ignorou a regra e não deu cartão amarelo ao atleta pernambucano. Talvez, o Salgueiro quisesse realmente atacar, logo, Marlon e Bruno Mendes voltaram com a camisa número 9, o lateral esquerdo, saiu de campo, trocou a numeração para a 6 e a partida recomeçou.
A equipe do Carcará não demorou para empatar, após cruzamento na área, um desvio quase encobriu Ruan que mandou para escanteio. Na bola parada, Vitão subiu e mandou para as redes, 1 x 1, aos 8 minutos.
O empate deixou a característica do jogo, ainda mais aguda: A equipe celeste atacando e o Carcará nos contra golpes. Estava difícil furar o sistema defensivo, bem montado pelos pernambucanos, que conseguiram chegar frente a frente com Ruan com Yuri, mas sem aproveitamento.
O passar do tempo foi gerando dramaticidade, pois o time pernambucano vinha de 4 empates consecutivos e queria um bom resultado, já o Atlético defendia 100% de aproveitamento em casa. Nas jogadas individuais, estava difícil, pois os talentosos atletas acreanos tinham que driblar também o defensor que fazia cobertura.
O problema foi resolvido aos 42 minutos do 2ºTempo, Marquinhos cruzou e Alfredo, aquele mesmo que quase havia feito o primeiro gol, apareceu e testou para o fundo das redes: ATLÉTICO ACREANO 2 X 1 SALGUEIRO.
Líder, 100% em casa e 4 pontos de vantagem sobre o Náutio. A equipe do Norte tem agrado seus torcedores, na técnica, vontade, tática e determinação!

Ficha Técnica
Atlético Acreano:
Ruan, Matheus, Douglas, Diego, Alfredo; Leandro, Kássio, Eduardo (Naldo), Jeferson (Marquinhos), Tauã (Rafael Tanque) e Neto.
Técnico: Álvaro Miguéis
Salgueiro: Mondragon, Mauricio, Yuri, Izaldo, Marlon; Vitão, Michel, Peu, Marcos Vinicius (Tamandaré), Erik Júnior (Erinaldo) e Bruno Mendes. 
Técnico: 
Sérgio China
Cartões Amarelos: Yuri, Peu e Michel (Salgueiro),
Gols: Eduardo (Atlético Acreano) – 19′ do 1ºT e Alfredo – 41 do 2ºT / Vitão (Salgueiro)  – 8 do 2ºT

1 Comentário

  1. Ailton Carvalho disse:

    Álvaro e sua equipe vem crescendo a cada jogo, com muita determinação e fé em Deus que tudo vai dar certo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *