CBF amplia torneios de Base e envolve todos os Estados!

Deu Copinha! Resultados da 2ªFase apontam “tomba-gigantes”! Veja novos confrontos…
12/01/2019
Briga entre Frank e Carlos Henrique marca campanha do Holanda na Copinha!
13/01/2019


Resumo: A CBF ampliará e criará torneios de Base para aumentar o calendário das equipes de diversos estados, incluindo tais agremiações em competições nacionais.

O futebol brasileiro, enfim, recebeu uma notícia grandiosa no que diz respeito aos torneios de Base, principalmente, porque os campeões de TODOS os Estados das categorias Sub-20 e Sub-17, participarão da Copa do Brasil respectiva.
Formato – Copa do Brasil
A Copa do Brasil Sub-17 e Sub-20 terá 32 participantes, todos os campeões estaduais e os 5 melhores times que não ergueram a Taça e estão no Topo do Ranking, desde que sua região esteja no Top-5 das confederações CBF (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina terão direito a 2ªvaga).

Apesar da “lista”, ainda envolver critérios pautados na categoria profissional, o modelo se aproxima da meritocracia, pois antes, equipes com quase nenhum investimento ou trabalho de formação apenas “preenchiam” os torneios da Base.

Uma observação importante é que a CBF custeará toda a questão de logística dos participantes.

Formato – Campeonato Brasileiro
Se o formato do Campeonato Brasileiro de Aspirantes (Sub-23), Copa do Nordeste (Sub-20) e a Supercopa de Juniores, entre Campeão Brasileiro e Campeão da Copa do Brasil foi mantido, houve uma mudança no Brasileirão – antes os 20 participantes estavam separados em grupos com 5 times, agora, todos se enfrentarão em turno único (19 rodadas), sendo que os 8 melhores avançam para as Quartas-de-Final. Assim, a competição começará em Junho e irá até Dezembro.

O Campeonato Brasileiro Sub-17, outra criação da CBF, terá 2 chaves de 10 participantes, os 4 melhores de cada grupo avançarão. Tal competição estará prevista para Abril até Junho. O critério inicial, também foi o Ranking da CBF, logo, os participantes serão: Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio, Santos, Corinthians, Flamengo, Atlético-MG, Atlhetico, Internacional, Chapecoense, Botafogo, São Paulo, Fluminense, Vasco, Bahia, Sport, Vitória, Ponte Preta, América-MG e Coritiba.

A idade Juvenil também terá a Supercopa. Ao todo 343 partidas foram jogadas em 2018, para a próxima temporada serão 583 jogos, aumento equivalente a 69%.

Valorização!
Em Estados menores, a competição que define o vencedor da categoria, pode durar um número de partidas, inferior a 10 jogos e com o término, não há mais calendário, ou seja, os torneios de base, geram pouca vivência. Agora, as agremiações talvez tenham mais perspectiva de visibilidade para os atletas a nível nacional e maior quantidade de treinos.

Participantes da Copa do Brasil Sub-20
Acre – Galvez
Alagoas – CSA
Amapá – Trem
Amazonas – Fast
Bahia – Bahia
Ceará – Horizonte
Distrito Federal – Ceilândia
Espírito Santo – Serra
Goiás – Goiás
Maranhão – Marília
Mato Grosso – Cuiabá
Mato Grosso do Sul – Aquidauanense
Minas Gerais – Cruzeiro
Pará – Castanhal
Paraíba – CSP
Paraná – Coritiba
Pernambuco – Porto de Caruaru
Piauí – River
Rio de Janeiro – Flamengo
Rio Grande do Norte – América
Rio Grande do Sul – Internacional
Rondônia – Real Ariquemes
Roraima – São Raimundo
Santa Catarina – Chapecoense
São Paulo – Palmeiras
Sergipe – Confiança
Tocantins – Capital
Ranking CBF Estado de São Paulo – Santos
Ranking CBF Estado do Rio de Janeiro – Botafogo
Ranking CBF Estado de Minas Gerais – Atlético
Ranking CBF Estado do Rio Grande do Sul – Grêmio
Ranking CBF Estado de Santa Catarina – Avaí

Participantes da Copa do Brasil Sub-17
Acre – Atlético Acreano
Alagoas – CRB
Amapá – Trem
Amazonas – Iranduba
Bahia – Vitória
Ceará – Ceará
Distrito Federal – Ceilândia
Espírito Santo – Porto Vitória
Goiás – Atlético
Maranhão – São Luís FC
Mato Grosso – Academia (Como não há equipe profissional, o União Rondonópolis, pode ser o representante)
Mato Grosso do Sul – Seduc (O melhor time profissional foi o Operário)
Minas Gerais – Atlético
Pará – Carajás
Paraíba – Meninos do Cristo (Melhor representante Federado – Botafogo, mas não houve estadual e sim uma Copa Organizado pelos próprios clubes*)
Paraná – Verê FC (Paraná Clube foi o melhor representante com equipe profissional)
Pernambuco – Náutico
Piauí – Piauí
Rio de Janeiro – Fluminense
Rio Grande do Norte – ABC
Rio Grande do Sul – Internacional
Rondônia – Rondoniense
Roraima – São Raimundo
Santa Catarina – Atlético Tubarão
São Paulo – Palmeiras
Sergipe – Sergipe
Tocantins – 1ºBPM (Capital, vice-campeão é o melhor colocado com time profissional)
Ranking CBF Estado de São Paulo – Santos
Ranking CBF Estado do Rio de Janeiro – Flamengo
Ranking CBF Estado de Minas Gerais – Cruzeiro
Ranking CBF Estado do Rio Grande do Sul – Grêmio (não jogou os Estaduais Sub-15 e 17, optou por excursões)
Ranking CBF Estado de Santa Catarina – Chapecoense

Ainda não se sabe como a CBF vai interpretar os convites para os novos torneios de Base. No Sub-20, todos os campeões tem profissionais ativos, já no Sub-17, 5 equipes que ergueram o título das 27, são projetos sociais ou equipes focadas na formação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *